Binance compartilha causas do atraso na rede Bitcoin e retoma retiradas do BTC

Fonte: AdobeStock / Diego

 

A importante corretora de criptomoedas Binance compartilhou que estavam reparando "pequenas falhas de hardware" ontem, o que resultou em "uma transação travada", que causou atraso na rede Bitcoin (BTC) e levou a empresa a pausar as retiradas de BTC por cerca de três horas.

Em um post-mortem, a Binance detalhou que o problema surgiu quando eles estavam “reparando várias pequenas falhas de hardware nos nós de consolidação da carteira [...], o que fez com que as transações anteriores pendentes fossem transmitidas para a rede depois que os nós fossem reparado.”

A empresa acrescentou que essas transações de consolidação pendentes tinham uma baixa taxa de gás e faziam com que as transações de retirada posteriores, "que apontavam para a consolidação pendente UTXO [saída de transação não gasta]", ficassem presas.

"Para corrigi-lo, tivemos que mudar a lógica para obter apenas UTXO bem-sucedido de transações de consolidação ou transações de retirada bem-sucedidas. Essa correção também impedirá que o mesmo problema ocorra novamente", disse a Binance.

A exchange repetiu que durante todo o tempo em que as retiradas de Bitcoin foram pausadas na rede Bitcoin, os usuários puderam retirar o BTC usando outras cadeias, incluindo ERC-20 e BEP-20.

O CEO da Binance, Changpeng Zhao (CZ), também compartilhou o hash de uma transação específica "que deixou as coisas travadas". Ele então mencionou outra transação que ainda estava travada.

Notavelmente, o pool de mineração SBI Crypto "priorizou e extraiu manualmente [a transação] no bloco 740683", de acordo com Carson Smith, CEO da empresa.

Embora todas as evidências pareçam apoiar a explicação da Binance, alguns usuários ainda argumentam que a exchange pode estar usando sistemas de reserva fracionária, permitindo que os clientes negociem Bitcoin “nu” que existe apenas em seus livros internos.

"Então, o btc real é impedido de deixar uma exchange centralizada para que o btc de "papel" da exchange ainda possa seguir em frente?" disse um usuário do Twitter.

O grande credor de criptomoedas Celsius (CEL) também suspendeu saques, swaps e transferências entre contas na segunda-feira. Isso, juntamente com a suspensão de saques da Binance, embora não relacionada, parece ter exacerbado ainda mais o pânico geral no mercado de criptomoedas.

O Bitcoin retomou seu movimento descendente, caindo para US$ 21.046 no dia anterior, de acordo com a CoinGecko. Às 8h23, está sendo negociado a US$ 22.759, uma queda de 7,8% nas últimas 24 horas e 27,4% na semana.

____

Leia mais: