Bitcoin em Alta no Japão, Ethereum Domina em Cingapura, Cardano Adorada na Austrália

Uma nova pesquisa do site de comparação de finanças pessoais Finder examinou qual criptoativo é o mais comumente possuído em países específicos e em quais países que criptomoedas específicas tiveram maior taxa de adoção.

A pesquisa analisou 22 países e 5 criptoativos: Bitcoin (BTC), Ethereum (ETH), Cardano (ADA), Dogecoin (DOGE) e Binance Coin (BNB).

Entre os países estudados, Finder descobriu que a Nigéria ocupa o primeiro lugar com uma taxa de propriedade de criptomoedas de 24,2%. É seguida pela Malásia com 18% e Austrália com 17,8%. Enquanto isso, a média global é de 11,4%.

Um pouco mais de 1 em cada 10 - ou 11,4% - adultos pesquisados ​​globalmente possuem criptomoedas, segundo o Finder.

Olhando para a porcentagem de pessoas que possuem criptomoedas, entre os 22 países da lista do Finder, o Bitcoin tem a maior participação em todos eles. O 3º lugar Austrália é seguido por Indonésia e Hong Kong, enquanto os EUA está no 10º lugar, Canadá, no 13º, a Rússia no 18º, o Reino Unido no 20º, etc.

Enquanto BTC fica em primeiro-lugar como o criptoativo mais popular, os outros mudam dependendo do país. Por exemplo, ETH é o segundo mais popular nesta lista na maioria dos países, mas na Indonésia, Hong Kong, Brasil e Colômbia é DOGE. Nas Filipinas, é o BNB.

 

Quanto às estatísticas de adoção dessas moedas específicas, o BTC tem a maior adoção no Japão, com 76,7% dos adultos que possuem criptomoedas dizendo que possuem essa moeda - o que é 1,3 vezes a taxa de adoção média global de 58,9%. O Japão é seguido pela África do Sul e Cingapura, enquanto a Alemanha aparece em último lugar, precedida pelos Estados Unidos.

 

Ethereum é o mais dominante em Cingapura, com 52,4% dos adultos proprietários de criptomoedas dizendo que possuem ETH - 1,9 vezes a taxa de adoção média global de 27,4%. Austrália e Canadá vêm em seguida, com Hong Kong em último lugar.

 

Cardano vê sua maior adoção com proprietários de criptomoedas na Austrália, de 26,3% - 1,4 vezes a taxa de adoção média global de 18,5%. Irlanda e Rússia ocupam o 2ª e o 3º lugar, com o Japão em último lugar.

 

A maior adoção do BNB é na Indonésia, com 26,9%, ou 1,8 vezes a taxa de adoção média global de 15%. Em seguida, vêm o México e a Rússia, enquanto o Japão e a África do Sul estão no final da lista.

 

Por fim, o DOGE é o mais dominante nos Estados Unidos, com 30,6% dos proprietários de criptomoedas afirmando que o possuem. Isso é 1,6 vezes a taxa de adoção média global de 19,2%. A Nova Zelândia e a Indonésia seguem os Estados Unidos, enquanto a Alemanha e o Japão estão no extremo oposto.

Finder diz que a pesquisa foi projetada por eles e conduzida pelo Google, acrescentando que eles pesquisam regularmente 41.645 pessoas em 22 países.