. 3 min read

Como os investidores iniciais de COPIUM poderão obter lucros?

 

Isenção de responsabilidade: A seção Conversa de Mercado apresenta percepções de participantes do setor de criptografia e não faz parte do conteúdo editorial de Cryptonews.com.

 

Mais uma meme coin figura na lista de destaques de valorização. COPIUM ($COPIUM) foi lançado na DEX Uniswap em 18 de maio. Nas primeiras 24 horas, esse token alcançou um volume de negociação de mais de US$ 45 milhões.

O preço do ativo valorizou mais de 1.000% desde o lançamento, tornando-se um token de tendência no DEXTools.

Como vimos com Pepe ($PEPE) ou com moedas um pouco menos conhecidas, como Turbo ($TURBO) ou Sponge ($SPONGE), os investidores podem gerar ganhos consideráveis rapidamente investindo em moedas meme logo no início.

Mas será que a Copium conseguirá repetir a história?


Em seu ponto mais alto, Pepe atingiu uma capitalização de mercado de mais de US$ 1,7 bilhão, apesar de não oferecer nenhuma utilidade. Isso destaca o poder e a empolgação das melhores moedas meme. Pois o preço não está ligado a um caso de uso como outras criptomoedas.

Portanto, as moedas meme têm o potencial de subir muito mais no início de sua jornada. Entretanto, essa volatilidade também pode funcionar no sentido inverso, com as moedas meme às vezes caindo tão rapidamente quanto sobem.

Por exemplo, Turbo está atualmente 77,5% abaixo de seu recorde, que ocorreu em 6 de maio. Com isso em mente, os investidores devem estar cientes do risco de investir em moedas meme.

Sucesso nas mídias sociais é prenúncio de sucesso


Embora talvez nunca atinja as alturas do Pepe ou Turbo, a rápida ascensão da Copium à proeminência na mídia social nos diz que certamente tem potencial.

Com uma capitalização de mercado atual de pouco menos de US$ 10 milhões e um grande volume em suas primeiras 24 horas, Copium tem espaço para subir. Pode, inclusive, fechar a lacuna das moedas meme um pouco mais antigas.

Copium já atingiu uma alta local de US$ 0,01625 e não seria irrealista que atingisse a marca de US$ 0,02 nos próximos dias e semanas.

O token Copium chegou rapidamente a três grandes bolsas centralizadas e receberá um novo influxo de liquidez e interesse. LBank, MEXC e Poloniex têm um volume de negociação combinado de quase US$ 1,5 bilhão. Juntas, essas bolsas recebem quase 3 milhões de visitantes semanais.

Portanto, analistas de Cryptonews consideram que Copium pode atingir a marca de US$ 0,05 até o final de 2023. O analista do YouTube, Jacob Bury, previu que poderia chegar a 100 vezes mais.

Onde está o risco em investir em Copium


Entretanto, todas as criptomoedas têm um certo grau de risco, especialmente as novas moedas meme. Enquanto algumas podem se recuperar após uma venda, outras não podem, perdendo lentamente seu valor após uma alta inicial.

Portanto, é importante lembrar-se disso e fazer sua própria pesquisa (DYOR) ao aprender sobre novas criptomoedas.

Por que o Copium tem sido tão badalado?


Há vários fatores que contribuem para o sucesso social inicial do Copium. O principal deles parece ser o profundo conhecimento da equipe sobre a cultura das criptomoedas.

Enquanto alguns projetos parecem fora de contato ou muito fechados, o $COPIUM incorpora o espírito da comunidade cripto. O projeto combina humor, linguagem informal e fundamentos.

A venda privada somente para convidados gerou grande entusiasmo na comunidade. O volume rapidamente alcançou US$ 45 milhões na Uniswap, o que atrairá mais interesse e um público mais amplo.

Embora não forneça um roteiro ou uma utilidade, o projeto tem um lançamento de airdrops planejado para os maiores detentores nos próximos dias. Esses investidores serão recompensados com NFTs e $COPIUM exclusivos.

A coleção de NFTs já viu 30 ETH de volume, apesar de menos de 10% da coleção de 200 estar listada.

Conforme o site de Copium, o projeto foi criado para “lidar” com oportunidades perdidas com moedas meme. O tema é oportuno, após as recentes bombas.

Para obter mais informações sobre o projeto Copium, participe do grupo no Telegram.

Compre Copium agora.

Leia mais: