Crypto.com e Blockchain.com se juntam à Grupo de Apoio aos Ucranianos

Enquanto Vladimir Putin pressiona tenta incansavelmente dominar a Ucrânia, vários segmentos da sociedade se esforçam para fazer o que podem e ajudar o povo da Ucrânia, incluindo empresas de criptomoedas.

Apenas alguns dias atrás, a grande exchange de criptomoedas FTX disse que distribuiu US$ 25 para cada usuário ucraniano. “Faça o que você precisa fazer”, disse o chefe da FTX, Sam Bankman-Fried, em um tweet onde anunciou a mudança.

Agora, mais anúncios estão chegando.

No início da manhã (UTC) de 26 de fevereiro, a principal exchange de criptomoedas Crypto.com anunciou que fez uma doação de US$ 1 milhão para a Cruz Vermelha.

No tweet de anúncio, o CEO Kris Marszalek escreveu: “Nossos pensamentos estão com o povo da Ucrânia e espectadores inocentes do conflito em andamento”, acrescentando ainda:

“Pedimos à nossa comunidade que faça o que puder para apoiar os esforços humanitários”.

O CEO compartilhou um link para o site do Comitê Internacional da Cruz Vermelha (CICV), onde as doações podem ser feitas. A Cruz Vermelha aceita várias moedas fiduciárias, cartões de crédito e PayPal, bem como doações únicas ou mensais.

“O [CICV] – junto com seus parceiros do Movimento da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho – continua ativo na Ucrânia, salvando e protegendo as vidas das vítimas de conflitos armados e violência”, diz o site.

Enquanto isso, Peter Smith, CEO e cofundador de outra plataforma de criptomoedas popular, Blockchain.com, disse no mesmo dia que todas as taxas da plataforma foram dispensadas para negociação e troca de criptomoedas por usuários ucranianos, com efeito imediato.

Conforme relatado, as criptomoedas vem provando ser um método útil para arrecadar dinheiro para organizações na Ucrânia, já que os bancos implementam novas medidas restritivas e pelo menos um serviço de arrecadação de fundos baseado em moeda fiduciária suspendeu doações para uma organização sem fins lucrativos ucraniana.

E embora nem todas as organizações/entidades aceitem doações em criptomoedas, o Cryptonews.com fez uma lista das que aceitam, juntamente com opções de doações fiduciárias. A lista deve crescer.

____

Leia Mais:

- Invasão da Ucrânia pela Rússia: Bitcoin deve desempenhar um papel em ambos os lados

- Ucrânia supera a Rússia em Adoção de Criptomoedas conforme a Guerra se inicia