Empresa de blockchain Immutable X investe na Trexx, empresa brasileira de NFT

Pedro Augusto
| 2 min read

trexx

A Immutable X, empresa de infraestrutura para jogos baseados em blockchain, realizou um aporte de valor não revelado em parceria com a Trexx, uma plataforma brasileira especializada na gestão de ativos de jogos NFT.

Apesar das dificuldades enfrentadas pelo setor de criptomoedas, especialmente após o declínio do sucesso de “Axie Infinity” em 2021, o segmento continua recebendo investimentos significativos e mantém a expectativa de um dia ganhar maior aceitação na comunidade de gamers.

CEO da Trexx critica foco em cripto nos jogos e defende mais diversão


Heloisa Passos, CEO e fundadora da Trexx, considera que o atraso no retorno dos jogos blockchain aos holofotes decorre do tempo necessário para desenvolvê-los. Além disso, houve a ênfase que a primeira onda de projetos colocou nos aspectos criptográficos, em detrimento da diversão. Segundo ela, para que o setor avance, é essencial combinar o conhecimento de blockchain com a habilidade de produzir jogos de qualidade.

A empresária celebra a participação, ainda que tímida, de grandes desenvolvedores de jogos como Ubisoft, Konami e SquareEnix, apesar das críticas dos jogadores tradicionais. Muitos na comunidade de jogadores associam os jogos blockchain a apostas e ao polêmico modelo “pay-to-win”. Este é um modelo onde itens que fortalecem os personagens são vendidos por dinheiro real.

Passos destaca um ponto importante trabalhado na Trexx: a simplificação dos termos técnicos para os jogadores. Ela sugere que explicar aos gamers sobre itens colecionáveis únicos é mais efetivo do que discutir os detalhes técnicos da blockchain. A CEO também observa a existência de um mercado secundário. Nele, os jogadores dedicados podem vender suas contas para outros que desejam iniciar o jogo em um nível mais avançado, prática comum desde os tempos de “World of Warcraft”.

trexx

Trexx visa alcançar 2 milhões de usuários com novo jogo e plataforma simplificada


A Trexx planeja lançar seu primeiro jogo ainda este ano, chamado “Boom Boogers”, um RPG de ação e sobrevivência. A plataforma Trexx, destinada a desktops, permite que os jogadores façam login e configurem suas carteiras digitais sem a necessidade inicial de transferir dinheiro para uma carteira de criptomoedas pré-existente, como MetaMask ou Phantom. Isso facilita o início do jogo, onde os usuários podem comprar seus primeiros itens e começar a jogar de maneira mais ágil.

Além de seus próprios jogos, a plataforma Trexx também oferece acesso a jogos não publicados por ela, incluindo “Sunflower Land”, “The Sandbox” e “Pirate Nation”. Atualmente em fase beta, a Trexx possui 1.500 usuários únicos e tem planos de se abrir ao público geral em julho. Por fim, Heloisa, representante da empresa, mencionou que há expectativas de alcançar 20 mil usuários até o final do ano e chegar a 2 milhões em até dois anos.

Leia Mais: