16 Dez 2021 · 2 min read

Empresa de Hidráulica Coreana irá Participar de DeFi, NFTs e Metaverso

A empresa sul-coreana de hidráulica, Sewon E&C, listada na Bolsa de Valores coreana, está nos estágios finais de fechar um acordo com um grande participante de finanças descentralizadas (DeFi) sobre uma proposta envolvendo criptomoedas, tokens não fungíveis (NFTs) e colaboração no Metaverso.

O meio de comunicação iNews24 relatou que a empresa havia concordado em um acordo com a empresa de criptografia Delio no mês passado e agora estava pronta para assinar na linha pontilhada após completar um mês de "due diligence e revisão legal" relacionada à contabilidade. 

O provedor de hidráulica, que foi fundado em 1971, declarou que estava preparando um “investimento de capital” na Delio e estava “no processo de” discutir a cooperação comercial relacionada a “finanças digitais”.

Sewon anunciou que estaria se expandindo no que chamou de “negócios relacionados à criptomoedas”, incluindo “NFTs baseados em blockchain, DeFi e o metaverso”. A empresa, anteriormente conhecida como Miwon Heavy Machinery, construiu seu nome na indústria hidráulica e também é especializada em bombas, válvulas, cilindros e soluções de bioengenharia.

Após uma assembleia geral extraordinária de acionistas da Sewon, a empresa se comprometeu a expandir para “desenvolvimento de sistema blockchain,” bem como “desenvolvimento de sistema de pagamento” e pesquisa relacionada a TI. As ações da Sewon saltaram 2% com a notícia. 

A empresa trabalhará com a Delio em uma solução de securitização de imóveis alimentada por criptografia, acrescentou.

A Delio foi fundada em 2018 e seus principais negócios envolvem depósito de criptoativos e serviços de juros semelhantes a staking, bem como empréstimos garantidos usando bitcoin (BTC) e outros tokens, bem como outras operações relacionadas ao DeFi.

Em novembro, a Delio lançou o Blue, sua oferta de empréstimos garantidos por criptografia - o primeiro da Coreia do Sul - com uma capitalização total inicial de US$ 100 milhões. Usando o BTC e outras moedas como garantia, os usuários da Blue podem contrair empréstimos fiduciários a taxas de juros anuais de até 16%.

No verão, a Delio fechou um acordo com o peso-pesado do setor financeiro OK Financial Group e, em outubro, a Delio recebeu seu Sistema de Gerenciamento de Segurança de Informações da Agência de Segurança e Internet da Coreia (KISA), administrada pelo governo. 

Um funcionário da Sewon foi citado como tendo declarado:

“Pretendemos cooperar ativamente com a Delio, empresa de criptomoedas número um da Coreia do Sul, para promover vários tipos de negócios relacionados a ativos virtuais”.