Notícias mais importantes no mercado de criptomoedas esta semana

Pedro Augusto
| 6 min read

mercado de criptomoedas

Nesta semana, o mercado de criptomoedas foi marcado por decisões regulatórias, inovações tecnológicas e movimentos de mercado. Entre os destaques, os ETFs de Bitcoin Spot atingiram a marca de 1 milhão de BTC sob custódia, influenciando investidores e especialistas do setor.

Vejamos a seguir que outras notícias impactaram o mercado brasileiro e internacional.

  • Brasil tem aumento de 120% nas importações de criptomoedas entre 2023 e 2024
  • Mais jovens no Brasil não estudam, nem trabalham ou procuram emprego
  • Coreia do Sul é pressionada a seguir o exemplo dos EUA em ETFs de cripto
  • ETFs de Bitcoin Spot atingem marca de 1 milhão de BTC sob custódia
  • Empresa de blockchain Immutable X investe na Trexx, empresa brasileira de NFT

Brasil tem aumento de 120% nas importações de criptomoedas entre 2023 e 2024


Em abril, investidores brasileiros importaram mais de US$ 1,7 bilhão em criptomoedas, equivalente a cerca de R$ 8,9 bilhões, conforme dados do Banco Central do Brasil (BC). No acumulado dos primeiros quatro meses de 2024, as importações de criptomoedas atingiram US$ 6,42 bilhões, ou aproximadamente R$ 33 bilhões. Esse valor representa um crescimento de 120% em comparação com o mesmo período do ano anterior.

Embora o Bitcoin tenha registrado uma queda de 16% em abril, passando de US$ 69,7 mil para US$ 58,2 mil, o volume de importações se manteve alto. Em março, as importações alcançaram US$ 1,75 bilhão, totalizando US$ 14,8 bilhões no ano até aquele mês. Comparado a abril de 2023, quando as importações foram de US$ 763 milhões, houve um aumento de 126%.

mercado de criptomoedas

Por outro lado, as exportações do mercado de criptomoedas continuam modestas. Em abril, as exportações somaram US$ 120 milhões, menos de 7% do volume importado. Surpreendentemente, no acumulado do ano, as exportações chegaram a US$ 468 milhões, representando 7,2% do total importado.

Simultaneamente, o Banco Central adiou para 2025 a implementação do Real Digital, conhecido como Drex, devido a desafios nas soluções de segurança e privacidade. A segunda fase de testes incluirá novas funcionalidades e será concluída até o final do segundo semestre de 2025.

Mais jovens no Brasil não estudam, nem trabalham ou procuram emprego


O Ministério do Trabalho divulgou nesta terça-feira (28/05) um aumento no número de jovens entre 14 e 24 anos que não estudam, não trabalham e não buscam emprego. Em 2023, eram 4 milhões; agora, são 5,4 milhões. Destes, cerca de 60% são mulheres, muitas mães de crianças pequenas, e 68% são negros, refletindo desafios de integração no mercado de trabalho e no sistema educacional. A região Sudeste, especialmente São Paulo, concentra a maior parte desses jovens.

A subsecretária de Estatísticas e Estudos do Trabalho, Paula Montagner, destacou durante o evento “Empregabilidade Jovem” que a pandemia agravou a situação, levando muitas mulheres a deixarem o mercado de trabalho para assumir responsabilidades domésticas. Atualmente, 50,5% dos jovens estão empregados ou procurando emprego, abaixo dos 52,7% pré-pandemia.

Em 2024, 14 milhões de jovens estão empregados, mas 45% em situação de informalidade. Apenas 12% ocupam posições técnicas ou em áreas com menor informalidade. Funções comuns incluem reposição de prateleiras e atendimento de balcão. A pesquisa também mostrou que 59% dos aprendizes não concluíram o ensino médio, refletindo a precariedade dos empregos ocupados. O número de estagiários aumentou 37%, com 877 mil em 2024, mas apenas 46% recebem bolsa-auxílio ou salário inicial.

Coreia do Sul é pressionada a seguir o exemplo dos EUA em ETFs de cripto


A aprovação recente de ETFs de Ethereum pela SEC nos Estados Unidos aumentou a pressão sobre os reguladores financeiros da Coreia do Sul para permitirem fundos similares de criptoativos. A decisão surpreendente contrasta com a postura cautelosa anterior e desafia as expectativas de rejeição desses ETFs em maio. A Comissão de Serviços Financeiros (FSC) e o Serviço de Supervisão Financeira (FSS) da Coreia do Sul permanecem hesitantes, citando a Lei de Mercados de Capitais, que limita ETFs a ativos tradicionalmente reconhecidos.

Coreia do Sul é pressionada a seguir o exemplo dos EUA em ETFs de criptoCoreia do Sul é pressionada a seguir o exemplo dos EUA em ETFs de cripto

Jung Eui-jung, líder da Aliança dos Acionistas Coreanos, argumenta que as autoridades sul-coreanas deveriam seguir o exemplo americano para evitar a fuga de investidores. Ele questiona o interesse em investir em um mercado atrasado no cenário regulatório. Atualmente, investidores do mercado de criptomoedas na Coreia do Sul não podem negociar ETFs de Bitcoin e Ethereum no mercado à vista. Além disso, as autoridades descartaram a regulamentação de ETFs de futuros de Bitcoin em breve.

Em março, Lee Bok-hyun, governador do Serviço de Supervisão Financeira, reconheceu o debate interno sobre ativos virtuais, destacando a necessidade de considerar todas as opiniões. O mercado de criptomoedas tornou-se central nas eleições parlamentares de abril, com o Partido do Poder Popular prometendo adiar o imposto sobre ativos digitais. Adicionalmente, o Partido Democrático focando em flexibilizar restrições sobre ETFs.

ETFs de Bitcoin Spot atingem marca de 1 milhão de BTC sob custódia


Mais de 1 milhão de Bitcoins estão atualmente sob custódia de ETFs de Bitcoin à vista, projetados para rastrear o desempenho do preço do ativo. Em suma, em 24 de maio, mais de 30 ETFs de Bitcoin detinham, coletivamente, 1.002.343 BTC, conforme divulgado por Michael Saylor, presidente executivo da MicroStrategy, e confirmado pela Decrypt e Coinglass.

Grayscale e BlackRock lideram como os maiores fundos de Bitcoin, com participações que somam 5% da oferta total de BTC em circulação, avaliadas em US$ 70,5 bilhões. O Grayscale Bitcoin Trust possui 289.040 BTC e o iShares Bitcoin Trust da BlackRock detém 287.168 BTC. Outros fundos notáveis incluem o Fidelity Wise Origin Bitcoin Trust com 161.538 BTC, o Ark 21Shares Bitcoin ETF com 48.444 BTC e o Bitwise Bitcoin ETF com 36.185 BTC. Internacionalmente, o maior ETF de Bitcoin é o Purpose, do Canadá, com 27.110 BTC.

Os ETFs de Bitcoin oferecem aos investidores a possibilidade de incluir Bitcoin em portfólios de aposentadoria ou contas com benefícios fiscais. Grandes instituições também investem nesses ETFs, que enfrentariam restrições ao comprar diretamente de exchanges. No primeiro trimestre, mais de 20% dos investimentos em ETFs de Bitcoin à vista nos EUA vieram de grandes investidores, incluindo fundos de hedge e bancos. Por fim, Matt Hougan, da Bitwise, destacou o potencial desses ETFs de representar entre 1% e 5% do mercado de ETFs dos EUA, um mercado de aproximadamente US$ 7 trilhões.

Empresa de blockchain Immutable X investe na Trexx, empresa brasileira de NFT


A Immutable X, empresa de infraestrutura para jogos baseados em blockchain, realizou um aporte não revelado na Trexx. Esta é uma plataforma brasileira especializada em gestão de ativos de jogos NFT. Mesmo com os desafios enfrentados pelo setor de criptomoedas após o declínio de “Axie Infinity” em 2021, investimentos significativos continuam a ser feitos, mantendo a expectativa de aceitação maior na comunidade gamer.

trexx

Heloisa Passos, CEO e fundadora da Trexx, critica o foco excessivo em aspectos criptográficos dos jogos, defendendo mais ênfase na diversão. Ela acredita que o atraso no retorno dos jogos blockchain aos holofotes se deve ao tempo necessário para desenvolvê-los e à ênfase inicial em cripto, ao invés de qualidade de jogo. Passos valoriza a participação de grandes desenvolvedores como Ubisoft e SquareEnix, apesar das críticas dos jogadores tradicionais que associam jogos blockchain ao modelo “pay-to-win”.

Por fim, a Trexx planeja lançar “Boom Boogers”, um RPG de ação e sobrevivência, e facilitar o acesso dos jogadores ao simplificar o processo de configuração de carteiras digitais. A plataforma oferece acesso a vários jogos, incluindo “Sunflower Land” e “Pirate Nation”. Com 1.500 usuários na fase beta, a Trexx pretende se abrir ao público em julho e alcançar 2 milhões de usuários em dois anos.

Leia Mais: