O que é investir em energia verde – Guia completo

Hugo Benjamin Silva
| 11 min read

Veja neste guia o que é investir em energia verde e como pode tirar o melhor partido de grandes projetos neste setor. Com isso, sinta-se  livre para investir e obter bom retorno a prazo, seja para se envolver diretamente e ter também ação positiva no meio ambiente.

Investir em energia verde em Portugal traz várias vantagens. Uma delas é ser um dos setores em mais franco crescimento e que dá também melhores garantias de longo prazo aos seus investidores. E isso é provado para capitalização de mercado e valorização das ações. Mas também pelas iniciativas geopolíticas e estratégias a nível global que têm beneficiado estas empresas nos mercados de investimento.

O que é energia verde?

Energia verde é uma designação associada a uma forma de produção de energia elétrica que advém de fontes renováveis. A energia verde opõe-se ao monopólio de décadas das energias fósseis baseadas no gás e no petróleo. Esses com efeitos altamente nefastos no ambiente que práticas como o fracking implicam. Assim, as energias verdes tendem a ser o futuro climático. Tanto que os políticos, as empresas inovadores e os cidadãos de todo o mundo desejam. Isso porque,  garantem fontes renováveis, sem impacto no clima, e que garantem o nosso futuro enquanto espécie.

Grandes empresas mundiais, como a subsidiária do grupo português EDP, a EDP Renováveis, estão entre as empresas melhor destacadas para operarem esta revolução. Assim, implementando práticas de negócio mais disruptivas e mais desejadas para impedir os efeitos nefastos das alterações climáticas. Mas nesta área, encontramos também iniciativas da web3 na blockchain, que emitem créditos de carbono tokenizados. Isso em um esforço para anular o impacto negativo de indústrias do retalho em todo o mundo.

As energias verdes têm diversos meios de produção: com recurso a energia eólica, das ondas, solar, biomassa, ou hídrica. Portugal é um país particularmente vocacionado para este setor, tendo vindo a investir nos últimos anos na produção de hidrogénio verde. Espera-se que possa vir a ser mais opção ambiental viável. Para, assim, operar a revolução que seria substituir todos os meios de produção energia fósseis por meios sustentáveis.

 

Como funciona um investimento em energia verde?

Para investir em energia verde é importante ter em conta como funciona este setor. Especialmente que garantias dá aos seus investidores e por que pode ser relevante numa perspetiva de investimento de longo prazo. Também deverá considerar as melhores Exchanges e corretoras recomendáveis.

Destacamos alguns desses motivos nas secções seguintes, de modo a poder também perceber se é uma classe de ativos e de investimentos que lhe interessa.

Como funciona o setor da energia verde?

O setor da energia verde é multifacetado. Estando representado por grupos de produção, distribuição e comercialização de energia baseada em fontes renováveis, como é o caso da EDP Renováveis. Baseado em negócios industrias de nova geração e com impacto positivo no planeta, como a empresa de carros elétricos Tesla, de Elon Musk. Mas também com a criação de iniciativas descentralizadas na blockchain. Dessas que aliam a abertura e transparência de processos à criação de uma rede de comunicação entre empresas poluidoras e ONG. Buscando para anular o impacto nocivo da sua atividade no planeta.

O setor da energia verde é cada vez mais dinâmico, apoiado em políticas públicas, e grande parte dessas empresas tem atividade pujante na bolsa de valores, nos mercados financeiros, e com particular destaque também no mercado das criptomoedas.

Que garantias dão as energias verdes aos seus investidores?

O crescimento acelerado de empresas e iniciativas de energias verdes nos mercados financeiros  a transformará uma classe de ativos. Antes,  visto como lucrativo no longo prazo. Agora, visto como lucrativo no médio e até curto prazo. E há vários motivos para isso.

Por um lado porque passámos a viver num mundo onde há uma aposta muito significativa ao nível dos Estados ocidentais, e particularmente no bloco europeu, para a sustentabilidade e independência energética. Isto foi impulsionado pela guerra no leste da Europa em 2022, acelerando um processo de transição energética que está a dar muito poder – e a depositar muito dinheiro – em infraestruturas, empresas e inciativas de energias verdes.

Por outro lado, a valorização de ações de empresas nos mercados, que tem estado em crescimento parabólico, é já bastante visível. Só a EDP Renováveis, por exemplo, cresceu mais de 200% entre 2021 e 2022, numa tendência positiva e virtuosa que só se deverá reforçar nos próximos anos. 

Por que as energias verdes poderão trazer grandes lucros no longo prazo?

Precisamente porque as energias verdes passaram a ser garante da soberania dos Estados, da sua independência face a regimes autocráticos produtores de energia fóssil, e porque farão cada vez mais parte dos setores estratégicos onde os Estados vão investir de forma regular e crescente.

Assim, se é verdade que os lucros já são significativos só de um ano para o outro, é apenas de esperar que no longo prazo eles se venham a acentuar com a enorme valorização que previsivelmente virão a registar nos mercados.

Como investir em energia verde?

Os mercados financeiros hoje em dia abriram portas a todos os perfis de investidores, desde os inexperientes e com pouca capacidade de investimento, até aos tradicionais grandes investidores com perspetivas de obter grandes ganhos nos mercados. É por isso que qualquer pessoa se pode registar num ambiente de negociação de ações digital e barato como eToro e comprar ações facilmente.

Assim, não tem de se deslocar a consultoras especializadas, pagar a intermediários para colocar investimentos, ou dispor de mais do que uma dezena de euros para começar a investir. Faz-se tudo remotamente, numa aplicação para telemóvel ou num site web. Assim, em poucos passos tornar-se acionista por exemplo da EDP Renováveis. Veja este guia de como comprar as suas primeiras ações em energia verde com pouco dinheiro.

Não deixe ainda de consultar os melhores vídeos de trading para melhorar as suas competências.

Passo 1: Entre no site eToro, registe e verifique a sua conta

Começamos por recomendar o site eToro porque é um dos que garante mais fácil acesso aos seus serviços de negociação, com baixos custos e baixo investimento inicial. Basta entrar no seu site e carregar no botão de registo para iniciar o processo.

No formulário de registo que surge, insira os seus contactos pessoais e submeta o formulário. Depois receberá um email com a verificação de criação de conta e poderá aceder imediatamente à área de negociações de eToro.

Porém, antes de começar a investir ou depositar fundos, é necessário verificar conta, seguindo o regulamento e a lei em vigor. Para isso, é só carregar na ligação de verificação de conta na dashboard do lado esquerdo e anexar uma imagem de um cartão de identificação válido.

Passo 2: Realize um depósito de fundos na sua conta

Agora carregue na ligação de depósitos, associada à sua conta de utilizador, e realize um depósito de fundos.

Poderá optar por Paypal, por cartões Visa ou Mastercard, entre outras opções. Depois é só inserir a quantidade a depositar e confirmar a operação.

Os depósitos de fundos são habitualmente rápidos a serem creditados em conta, pelo que poderá ficar com dinheiro disponível no próprio dia.

Passo 3: Pesquise e negoceie as suas ações verdes

Agora já poderá comprar as suas primeiras ações de energia verde, como por exemplo o caso das ações EDP.

Para isso, pesquise por exemplo EDP no motor de pesquisa de eToro até surgir o seu ativo. Verifique o preço de mercado e, se estiver satisfeito com o patamar de preços atual, carregue em negociar. Depois insira a quantidade de ações a comprar, confirme o preço a que quer comprar, e confirme a ordem de compra.

Mais tarde, quando essas ações valorizarem o suficiente e tiverem atingido os seus objetivos de lucro, deverá seguir passos idênticos para vender e obter esse retorno. Só que aqui, em vez de carregar em comprar, deverá carregar em vender EDP ou outra ação de energia verde.

Veja ainda como comprar créditos de carbono em Portugal, para diversificar os ativos do portfólio.

O que deve saber sobre investir em energia verde?

Há várias vantagens de relevo sobre investir em energia verde. Estas empresas dão as melhores garantias de lucro neste momento, mas também têm impacto positivo no planeta, são habitualmente inovadoras e apoiam grandes movimentos de investigação científica aliada a produção industrial.

Veja nas secções seguintes por que investir em energia verde se está a tornar numa forma de investimento financeiro tão relevante e também potencialmente lucrativo.

Investir em Energia Verde é investir em empresas ECG

ESG é uma métrica associada à atividade empresarial que designa – Ambiente (Environment), Social, Governança (Governance). Estes são três vetores de empresas responsáveis do ponto de vista do seu impacto climático, mas também da justiça, abertura e bom tratamento dos seus clientes e empregados.

As empresas ECG deverão ainda ser subscritoras dos princípios da Organização das Nações Unidas para um futuro sustentável e, por isso, estão muitas vezes alinhadas com atividades de energia verde ou de promoção da energia verde.

Este tipo de empresas costumam emitir ações nos mercados bolsistas que são muito procuradas, já que têm um estatuto elevado e institucionalmente reconhecido como responsável.

A Energia Verde é apoiada com fundos públicos e isso é garantia de estabilidade

É verdade que até há poucos anos eram as energias fósseis a dominar a produção e a injeção de energia que alimentavam as indústrias globais, incluindo as ocidentais. Contudo, esse paradigma tem vindo a mudar com investimentos estratégicos de Estados como o português, mas também com grandes alterações geopolíticas como a guerra no leste da Europa que tornou imperativa a produção e autoconsumo de energia verde produzida no próprio bloco europeu ou pelos seus aliados.

Assim, a Energia Verde tornou-se uma área estratégia fundamental para qualquer país ocidental, que tem a estabilidade e o crescimento sustentado que são proporcionados por fundos públicos, além de terem uma atividade comercial crescentemente mais relevante e dinâmica. Por exemplo, com a construção da infraestrutura de gasoduto com capacidade de canalizar hidrogénio verde, uma iniciativa de Portugal, com Espanha e França, grandes empresas de energia verde como a EDP Renováveis poderão crescer exponencialmente nos próximos anos e beneficiar com isso os seus acionistas.

Veja-se ainda que os lucros da EDP Renováveis aumentaram 181%. E a tendência é de crescimento continuado.

A energia verde está de mãos dadas com a investigação e a democracia

Além dos grandes lucros que os investidores podem obter com o investimento em energia verde, há uma componente importante de produção de conhecimento, de transparência e democracia associada a estes investimentos.

Se olharmos por exemplo para o caso da Tesla, percebemos que só com investigação académica de topo a nível das energias renováveis, das baterias de lítio, e das melhores implementações de sustentabilidade ao nível de produção industrial é que foi possível criar produtos de consumo de massa como os carros elétricos. E assim o grande capital associado à grande atividade industrial preconizado pela Tesla, são em simultâneo um impulso para gerar conhecimento e investigação que são fundamentais a um planeta mais verde e seguro que é apoiado pela ciência e inovação.

Para investir em energia verde não é preciso muito dinheiro

Outro dos aspetos importantes a ressalvar é que para ser acionista de um projeto verde de relevo, como é o caso da EDP Renováveis, já não é preciso muito dinheiro.

Na verdade, se as criptomoedas podem ser compradas por menos de 10€, sendo ainda assim recomendável fazer depósitos de pelo menos 10€ em Exchanges como a Binance, as ações seguem a mesma lógica. O depósito mínimo em eToro é de 50$, sendo esse o patamar mínimo para negociar ações ou criptoativos, que continua a ser um patamar de investimento considerado reduzido e ao alcance de investidores iniciados.

Outro aspeto a reter sobre o investimento em ações de empresas de energia verde ou criptomoedas é que é sempre possível investir em frações de ativos, não sendo necessário comprar um ativo por inteiro. Além disso, recorrendo a uma plataforma como eToro, toda a gestão do portfólio de investimentos é facilitada através das seguintes funcionalidades:

  • Pode investir com recurso a copy trading, copiando os movimentos financeiros de outros traders experientes da comunidade e beneficiando da sua taxa de sucesso.
  • Pode investir em pequenas frações de cada vez.
  • Pode programar ordens de compra ou venda e fazer uma gestão de risco mais atenta.
  • Pode consultar dados estatísticos e notícias acerca dos ativos, antecipando eventuais momentos que afetam o preço dos ativos.

O veredito

Neste artigo abordámos o que é investir em energia verde e como tirar vantagens de certas corretoras como eToro para comprar ações ou criptomoedas dos projetos mais promissores do momento, EDP Renováveis do lado das ações portuguesas, e Tesla do lado de fabricantes automóvel que são líderes mundiais estão entre os ativos mais procurados nestes setores.

Assim, é útil criar um registo numa corretora digital barata e começar a investir em Energia Verde seguindo os melhores princípios de trading e tomando partido das ferramentas disponibilizadas.

Perguntas frequentes

Vamos listar algumas das perguntas e respostas mais frequentes acerca de comprar ações ou criptoativos ligados a energia verde. Veja o que mais investidores têm perguntado neste domínio.

Quais são os melhores ativos de energia verde?

As empresas ESG, assim como as empresas totalmente digitais e inovadores – estão entre os ativos de referência em energia verde. Muitos procuram-nos pelos ganhos a longo prazo, que se prevê que possam vir a suplantar outras empresas mais tradicionais ou de fundos institucionais.

Posso investir em energia verde com pouco dinheiro?

Sim, numa Exchange como Binance basta depositar 10€, e numa corretora como eToro o depósito mínimo elegível é de $50. Com esses fundos é possível criar um portfólio de investimentos diverso, já que é permitido comprar frações de ativos.

Quais são os ganhos de longo prazo ao investir em energia verde?

Os gajos são imprevisíveis, porém já temos observado ganhos exponenciais e parabólicos de um ano para o outro. Por exemplo, duplicar o rendimento (fazer 100% de lucro) não é de todo incomum, sendo expectável obter rendimentos que multiplicam o investimento inicial. Mas tudo depende das suas habilidades de investidor: o momento em que compra e vende os seus ativos, e a forma como gere o risco.