Onde estão as baleias – Os 5 principais países para investidores cripto

Gabriel Gomes
| 3 min read

países para investidores cripto

À medida que a popularidade das criptomoedas continua crescendo, os investidores procuram os ambientes mais flexíveis e países para investidores cripto mais favoráveis para maximizar os seus retornos.

Diante disso, alguns países destacam-se como santuários para os entusiastas das criptomoedas, muito graças à sua clareza regulatória, políticas favoráveis ​​aos impostos, infraestrutura tecnológica robusta e iniciativas governamentais de apoio.

Principais países para investidores cripto


Os governos de todo o mundo estão enfrentando o desafio de regular as criptomoedas à medida que esta classe de ativos emergente continua a ganhar popularidade e adoção.

Este artigo se aprofunda em uma análise comparativa dos melhores países para investidores cripto do mundo, incluindo Suíça, Cingapura, Malta, Portugal e Estônia.

1. Suíça

Conhecida por sua privacidade e precisão financeira, a Suíça é um farol para investidores em cripto, graças ao famoso Crypto Valley em Zug. A região possui regulamentações claras e favoráveis, juntamente com tratamentos fiscais favoráveis ​​para criptomoedas.

Por um lado, os investidores privados no país não pagam imposto por ganhos de capital sobre os lucros das transações de criptomoedas. Esta isenção se aplica desde que você atenda a determinados critérios, como manter suas criptomoedas por mais de 6 meses e não se envolver em atividades profissionais de trading.

Além disso, o governo suíço apoia ativamente iniciativas de blockchain, consolidando ainda mais o seu status como um paraíso cripto.

2. Singapura

O quadro regulatório progressivo de Singapura torna-o outro destino atraente para investidores cripto. O país não impõe imposto a ganhos de capital sobre rendimentos de criptomoedas, proporcionando, assim, um incentivo financeiro significativo.

No entanto, se a compra e venda de ativos digitais for realizada como atividade empresarial, os lucros provenientes dessas transações estão sujeitos ao imposto sobre o rendimento.

Juntamente com infraestrutura tecnológica avançada e iniciativas governamentais destinadas a promover fintechs e blockchain, Singapura se destaca como um pilar da facilidade de investimento em cripto.

3. Malta

Muitas vezes apelidada de “Ilha Blockchain”, Malta oferece uma estrutura jurídica abrangente para blockchain e criptomoedas.

Seu governo tem sido proativo no fornecimento de incentivos fiscais atraentes para empresas cripto e no cultivo de um crescente ecossistema de blockchain, o que posiciona Malta como a melhor escolha para empresas focadas em criptomoedas.

Em Malta, não há imposto sobre ganhos de capital de longo prazo para criptomoedas. No entanto, a negociação de criptomoedas pode ser considerada tributada sobre o rendimento a um máximo de 35%.

Não é à toa que Malta abriga diversos cripto cassinos online.

4. Portugal

Portugal apresenta um perfil muito atraente para investidores individuais em criptomoedas. Principalmente por ser sem imposto de renda pessoal sobre ganhos em criptomoedas.

A postura regulatória clara e favorável do país, as crescentes iniciativas de blockchain e as ações governamentais de apoio fazem dele um excelente local para residir e investir.

5. Estônia

Como nação digital pioneira, a Estônia possui regulamentações cripto claras e um ambiente fiscal favorável para investimentos em criptomoedas.

A governança eletrônica avançada e os serviços digitais do país simplificam as interações entre o Estado e os cidadãos, aumentando, assim, o apelo para investidores com experiência em tecnologia.

Análise comparativa dos países para investidores cripto


Abaixo está uma breve análise comparativa das políticas de criptomoeda na Suíça, Singapura, Malta, Portugal e Estônia, avaliando várias dimensões críticas.

País Ambiente regulatório Políticas Fiscais Infraestrutura Tecnológica Suporte governamental
Suíça Excelente (5) Favorável (5) Alto (5) Forte (5)
Cingapura Progressivo (5) Nenhum (5) Avançado (5) Forte (5)
Malta Abrangente (4) Atraente (5) Crescendo (4) Proativo (5)
Portugal Claro (4) Nenhum (5) Aumentando (4) Apoiador (4)
Estônia Progressivo (5) Favorável (4) Avançado (5) Apoiador (5)

Conclusão sobre países para investidores cripto


Embora todos estes países ofereçam vantagens significativas aos investidores em criptomoedas, também têm os seus desafios únicos. Assim sendo, mudanças regulamentares, potenciais alterações fiscais e diferentes níveis de adoção local podem afetar a sua posição.

Por exemplo, embora Suíça e Singapura ofereçam ecossistemas maduros, os novos participantes, como Malta e Portugal, estão fazendo progressos significativos rapidamente, mas podem enfrentar dificuldades de crescimento.

Em termos de potencial futuro, países como os Emirados Árabes Unidos e as Filipinas aparecem como nomes interessantes. Afinal, eles estão elaborando regulamentações mais favoráveis ​​às criptomoedas e poderão em breve juntar-se a estes destinos favoráveis.

Leia Mais: