20 Set 2022 · 2 min read

Pop japonês entra no metaverso em projeto da Overse

The Japanese idol group AKB48. Source: Dennis Amith (kndynt2099)/(CC 2.0)

O J-pop ou Pop janponês está pronto para "mergulhar" no universo das criptomoedas. O maior produtor musical do Japão anunciou que está pronto para estrear uma nova boy band ou girlgroup, só que desta vez no metaverso. O projeto será financiado por meio de uma Oferta Inicial de Troca (IEO). 

Em comunicado à imprensa, a empresa japonesa de crossover cripto-pop chamado Overse anunciou que está trabalhando com Yasushi Akimoto, o maior produtor e letrista pop do país, em um projeto previsto para ser lançado em 2023.

Akimoto é o cérebro por trás de alguns dos maiores nomes do J-pop, como Onyanko Club, Nogizaka46 e a franquia AKB48.

Akimoto vendeu mais de 100 milhões de singles e é o letrista mais cantado no Japão. Seu sucesso na criação de artistas pop femininos no topo das paradas é sem precedentes, chegando até a Coréia do Sul, onde contribuiu para a formação de um grupo feminino sul-coreano como Iz*One.

Os crossovers J-pop/crypto têm aumentado nos últimos anos e Overse espera que o "toque de Midas" de Akimoto não falhe quando o projeto sair do papel. 

Overse revelou que  Akimoto será “produtor geral” do grupo ainda sem nome. Também escreveu que o projeto será financiado por meio de um IEO e que o grupo estará ativo na “tecnologia blockchain” e no “metaverso”.

A empresa diz que espera avançar com seu IEO no “início de 2023” – e começará a selecionar membros do grupo na primavera do próximo ano. Ele espera finalizar a adesão do grupo até o verão com estreia prevista para o outono.

Em um comunicado anterior, a mesma empresa afirmou que havia fechado um acordo com a corretora de criptomoedas doméstica DMM Bitcoin e a startup de criptomoedas Coinbook. Estas duas empresas vão realizar o IEO, sendo provável que a venda ocorra na plataforma da DMM.

Os IEOs ainda são território inexplorado para as bolsas japonesas, mas várias empresas esperam entrar no espaço nos próximos meses – seguindo os movimentos dos reguladores no ano passado para formular diretrizes para o setor.

No Japão, grupos “ídolos” referem-se a boy bands e girlgroups que recrutados e gerenciados por agências de talentos nacionais. Grupos pop no estilo "Idol" passaram a dominar a cena musical em grande parte do leste da Ásia - culminando no sucesso internacional das paradas para artistas como o BTS da Coréia do Sul.

----------------------

Leia mais:

LUNA desvalorizou 54%, enquanto TAMA finaliza sua pré-venda com mais de US$ 19 milhões

Mercado de Criptomoedas em 20 de setembro de 2022

---------------------