13 Jan 2023 · 5 min read

Robert Kiyosaki começa 2023 otimista com o Bitcoin - Bom momento para investir?

O ano passado foi difícil para o mundo das criptomoedas. Além de assistir ao colapso estrondoso de várias importantes empresas ligadas a esses ativos, vimos  grandes desvalorizações da maioria deles, inclusive o mais famoso de todos, o Bitcoin.

Embora a mudança de ano ainda não tenha trazido significativa valorização ao Bitcoin, há boas chances de que a maré esteja perto de virar. Pelo menos esta é a opinião que vem apresentando Robert Kiyosaki, autor do best-seller de autoajuda financeira, Pai Rico, Pai Pobre, que está otimista com as possibilidades do ativo digital.

Kiyosaki está comprando bitcoin em 2023

Em um tuíte que publicou em 30 de dezembro do ano passado, Kiyosaki afirmou que está entusiasmado com o futuro do Bitcoin e adquirindo mais dele.

Segundo o autor e investidor, as regulações sendo planejadas pela Comissão de Valores Mobiliários dos Estados Unidos (SEC na sigla em inglês) podem matar várias cripto moedas, que são classificadas como títulos, mas deverão deixar ileso o Bitcoin, que é tratado como uma commodity, como o ouro ou o petróleo, e está sob a jurisdição da Comissão de Negociação de Contratos Futuros de Commodities.

Recentemente, Kiyosaki também vem criticando o banco central estadunidense, que, no seu entender, prejudicou a economia na tentativa de defender os interesses dos mais ricos, e afirmando que as cotações do ouro e da prata, que ele diz acompanhar há décadas, dispararão neste ano.

Se o autor de Pai Rico, Pai Pobre estiver certo quanto à recuperação do Bitcoin, é possível que a alta dele seja o gatilho para uma retomada da confiança nas criptomoedas ou pelo menos em algumas delas, aquelas cujos fundamentos parecerem sólidos aos investidores.

Moedas recém-lançadas podem surfar na maré de alta do Bitcoin

Algumas moedas em pré-venda no momento, como FGHT, D2T e TARO, têm boas chances de se beneficiar da valorização do Bitcoin se ela acontecer mesmo. Em comum, essas três criptomoedas têm pré-vendas que estão sendo bem-sucedidas e ligações com projetos com potencial de atração de uma base considerável de usuários.

FGHT

FGHT é um token de utilidade de uma plataforma, a FightOut, criada para monitorar as atividades físicas dos usuários e recompensá-los por elas. O objetivo da plataforma é incentivar as pessoas a se exercitarem mais, colhendo os benefícios disso para sua saúde e seu bem-estar.

A realização de atividades físicas levará ao pagamento do usuário com REPS, tokens com os quais ele poderá obter descontos em sua assinatura da plataforma ou adquirir itens de treinamento.Também é possível conseguir REPS através do uso do token FGHT, o que lhe dá uma utilidade, que talvez crie demanda por ele. O FGHT encontra-se em pré-venda, que já angariou um valor equivalente a mais de US$ 2,5 milhões de dólares.

D2T

D2T é o token da Dash 2 Trade, um plataforma que, segundo seus desenvolvedores, usará ferramentas de análise do mercado de criptomoedas para disponibilizar a seus assinantes informações que os auxiliem na identificação de boas transações. Embora parte dos recursos da plataforma vá estar disponível gratuitamente, o acesso aos mais avançados deles será pago com o token D2T.

A crescente percepção da necessidade de boas informações que têm os investidores em criptomoedas, especialmente depois das quedas de empresas como FTX e Voyager e do desmoronamento do ecossistema Terra, pode ajudar na formação do interesse pelos serviços de Dash 2 Trade. Isso favoreceria o desempenho de D2T como investimento.

A pré-venda de Dash 2 Trade, que se encerrou em 10 de janeiro, já arrecadou o equivalente a mais de US$ 14 milhões de dólares. Na sequência, a única maneira de adquirir o D2T será em exchanges.

TARO

Já o TARO é o token de utilidade de RobotEra, um game que, segundo seus desenvolvedores, oferecerá uma experiência imersiva que combinará criatividade, aventura e compartilhamento. Além disso, os jogadores poderão ganhar dinheiro com a execução de tarefas, a negociação de itens ou a promoção de eventos nos territórios sob seu controle.

A pré-venda de TARO, ainda em seu primeiro estágio, arrecadou até o momento o equivalente a cerca de US$ 700 mil dólares.

Conclusão

Enfim, moedas como D2T, FGHT e TARO fazem parte de projetos que fornecem algo que os usuários podem valorizar. Além disso, as pré-vendas desses três ativos têm sido bem-sucedidas, o que representa certa medida de expectativas favoráveis de investidores. Pelos motivos expostos, há boas chances de que se beneficiem do retorno da confiança nas criptomoedas que a valorização do Bitcoin seria capaz de produzir.

É importante lembrar que há riscos em todo tipo de investimento e que criptomoedas são ativos cujo comportamento é notoriamente difícil de prever. Decisões financeiras devem ser precedidas de cuidadosas análises.
---------------------------------------------------

LEIA MAIS

População da Rússia deve "aderir em massa a criptomoedas"

Movimento das baleias cripto – O que os grandes investidores estão comprando

----------------------------------------------------