`
. 4 min read

Stepn demite 100 colaboradores em meio a queda no número de usuários do aplicativo

Source: AdobeStock / blicsejo

 

Os desenvolvedores de Stepn, o jogo que promete pagar com tokens GMT pela realização de exercícios físicos, modelo de competição conhecido como “move-to-earn”, estariam iniciando um dramático processo de redução de equipe na China e ao redor do mundo.

Há informações de cerca de 100 demissões em meio a uma queda do mercado. A equipe por trás do aplicativo nega ter demitido o pessoal.

South China Morning Post (SCMP) informou que a Find Satoshi Labs, empresa matriz da Stepn, rescindiu os contratos de mais de 100 moderadores comunitários de seus canais de mídia social.

O mesmo aconteceu com os “embaixadores” da marca, que promovem o aplicativo de aptidão “move-to-earn”. O jornal chinês citou o canal de notícias cripto Wu Blockchain e “pessoas familiarizadas com o assunto” como fontes que confirmam as demissões.

“A empresa começou a se concentrar na promoção de sua matriz Find Satoshi Lab e focou principalmente em novos projetos a serem lançados, como mercado de NFT”, relatou Wu Blockchain. “Além disso, a grande quantidade de SAFT (Simple Agreement for Future Tokens) em GMT será desbloqueada em março do próximo ano”.

O jornal SCMP, entretanto, acrescentou que um representante da Stepn negou que a equipe estivesse demitindo pessoal. Em vez disso, eles alegaram que “a empresa havia ‘tomado caminhos diferentes’ de moderadores ‘voluntários’ que não haviam estado ativos recentemente”, bem como que está “contratando ativamente para várias funções”.

O representante da empresa se recusou a confirmar se esses “voluntários” alguma vez foram pagos e não respondeu a perguntas sobre a relação atual da marca com seus embaixadores.

Além disso, representantes de Stepn disseram a Decrypt:

“Estas são alegações sem fundamento que são factualmente imprecisas.”

Por um post de blog publicado na terça-feira (11/10), intitulado “uma carta aberta à Comunidade STEPN”, a equipe vem “refletindo sobre o ano passado” e afirma:

“O ritmo mais lento do mercado cripto deixa espaço para a criatividade – estamos nos sentindo inspirados. As condições atuais do mercado fazem deste o momento perfeito para construir. […] STEPN foi nosso primeiro projeto; DOOAR se seguiu logo em seguida. Agora é a hora de expandir a família Find Satoshi Lab.”

O cofundador de Stepn, Yawn Rong, escreveu no Twitter naquele mesmo dia que, nas próximas semanas, a equipe estará “mudando de marcha” conforme evolui sua visão.

Uma mudança em números

Stepn já foi um aplicativo muito popular. No entanto, as coisas começaram a mudar para a empresa, pois ela viu menos usuários e o mercado entrou em contínua retração.

De acordo com dados de Dune Analytics, o aplicativo, que foi lançado em dezembro de 2021, teve o maior número de usuários ativos mensais em maio deste ano, registrando 705.452 participantes, um salto de 317.053 em um mês.

O número de abril, em si, foi um grande salto em relação aos 84.442 usuários vistos em março.

Em junho deste ano, o número caiu de mais de 700.000 para 478.800 e depois para 245.000 em julho. Desde então, a queda continuou registrando cerca de 140.000 usuários em agosto e menos de 99.000 usuários em setembro.

Usuários Ativos por Mês de STEPN

Fonte: dune.com

O número de usuários ativos diários caiu de quase 89.000 no final de maio para 5.650 no final de setembro. Novos usuários ativos diários caíram de 16.400 no final de maio para 266 no final de setembro.

Na manhã de quinta-feira (13/10), o token nativo do aplicativo GMT estava sendo negociado a US$ 0,5676. O valor é 11% menor em um dia, 10% em uma semana, 24% em um mês e 86% de seu recorde de US$ 4,11 registrado em abril de 2022.

GMT gráfico de preços de 8 meses – Fonte: coingecko.com

Enquanto isso, como noticiado, o volume comercial de NFT caiu 97% de seu recorde, de US$ 17 bilhões no início de 2022 para US$ 466 milhões em setembro.

Além da retração geral do mercado cripto, há também a questão dos reguladores que cada vez mais se preocupam com todos os aspectos da indústria.

---------------------