10 Out 2021 · 1 min read

Desenvolvedor do projeto NFT 'Evolved Apes' desaparece com US$ 2,9 milhões

Investidores em um projeto de token não fungível (NFT) conhecido como Evolved Apes foram deixados no escuro, depois que o desenvolvedor anônimo por trás do projeto desapareceu com ETH 798 (US$ 2,9 milhões) dos fundos do projeto.

O desenvolvedor, que atende pelo pseudônimo de 'Evil Ape', havia dito no passado que a coleção NFT é parte de um jogo de luta com os macacos. No entanto, o jogo ainda não se materializou, e o desenvolvedor agora desapareceu, de acordo com um relatório da Vice.

Também desapareu junto com o Evil Ape e os US$ 2,9 milhões em receitas de vendas a conta no Twitter e o site oficial do projeto, nenhum dos quais pôde ser acessado no momento da escrita. 

Os dados do blockchain da Ethereum (ETH) mostram que a carteira Evolved Apes tem atualmente um saldo de 0, depois que quatro transações separadas em 24 de setembro desviaram os fundos para dois novos endereços de carteira. 

A coleção Evolved Apes NFT é descrita no mercado NFT OpenSea como "uma coleção de 10.000 NFTs únicos presos dentro de uma terra sem lei”. As listagens ainda estavam disponíveis no OpenSea no momento em que este artigo foi escrito, com preços solicitados a partir de ETH 0,005 (US$ 18) para as peças de menor preço. 

Enquanto isso, e com uma nota positiva, o pesquisador de criptografia Messari informou esta semana que o mercado de NFT como um todo já ultrapassou os US$ 10 bilhões em vendas secundárias.

A figura foi compartilhada pelo analista de pesquisa da Messari, Mason Nystrom, onde ele também disse que o mercado de NFT nos últimos 12 meses “evoluiu de um pequeno ecossistema com algumas centenas de milhões em volume de vendas para um ecossistema de várias cadeias no valor de dezenas de bilhões de dólares”.

De acordo com os dados de Messari, as vendas de NFT atingiram o pico por volta de 21 de agosto, o que coincidiu com a mania em torno de coleções de NFT, como Loot, Axies e várias imagens de perfil NFTs. No entanto, as vendas diárias ainda permanecem acima de US$ 50 milhões, disse a empresa.