12 Out 2021 · 1 min read

Ripple e Nelnet investem em energia solar para cortar emissões de CO2

A empresa americana de blockchain Ripple está se expandindo em energia solar - eles pretendem investir US$ 44 milhões em parceria com a Nelnet Renewable Energy, o braço de energia renovável da empresa de tecnologia e serviços financeiros dos EUA Nelnet, em um dos fundos de investimento em energia solar do grupo. 

Para a Ripple, a empresa por trás do token XRP, o projeto é aumentar a exposição da empresa ao "investimento socialmente responsável", demonstrando seu "apoio à transição para um futuro energético mais limpo e estável", eles disseram. 

Os representantes da empresa apontam para as discussões em andamento relacionadas à pegada de carbono da tecnologia blockchain como um dos fatores por trás da cooperação mais recente. 

Os projetos solares financiados pelo novo Fundo de Energia Renovável Ripple Nelnet devem compensar mais de 1,5 milhão de toneladas de dióxido de carbono em um período de 35 anos. A declaração se refere às metas estabelecidas pela projeção do Futuro Solar do Departamento de Energia dos EUA que afirma que até 2050, até 45% de todas as necessidades de geração dos EUA, ou cerca de 1.600 gigawatts (GW), poderão ser satisfeitas por energia solar.

A Nelnet afirma que, até 2025, a empresa pretende fornecer energia para a criação, armazenamento, distribuição ou utilização de cerca de 1,5 milhão de megawatts-hora (MWhs) de energia renovável em todo o país. O grupo tem mais de US$ 20 bilhões em ativos e atende mais de US$ 500 bilhões em ativos de empréstimo, de acordo com dados da Nelnet.